domingo, dezembro 07, 2008

Busca





Deserto, árido, sem cor, sem dor

Perdido, ido, sem sentido,

Pouco, louco, tampouco,

Assim, a mim, de mim, pra mim

Revertido, colorido, prurido.

Deixado de lado, consentido.

Louco, tampouco, pouco.

Vivido, sentido, festivo.

Sem querer reprimido.

Sentido, festivo, vivido.

Ocultar não faz sentido,

Viver de mim, pra mim, por mim.

Isso sim não faz sentido.

Buscar, achar, encontrar.......... me encontrar.

Busco, rebusco, entro e dentro,

Acalento . E o que comtemplo?´

Não sei, não entendo.

Olhar, ver, não ver........... me ver!

Coisa difícil de entender.

Ah! alma humana tão estranha.

Pra comtemplá-la busca-se as entranhas,

pra viver


Nenhum comentário: