domingo, fevereiro 24, 2013

Desabafo

Havia um tempo em que as pessoas andavam nas ruas despreocupadas, que quando alguém de aproximava era pra sauda com um belo bom dia ou boa tarde.
Houve um tempo em que as pessoas que moram na mesma rua visitavam as casas vizinhas e, quando era noite aglomeravam-se na frente de suas casas, colocavam cadeiras e agurdavam que dái a pouco os vizinhos se aproximavam para um bate papo. Pra colocar os assuntos em dia, pra "ficarem de prosa" até altas horas da noite, enquanto as crianças brincavam de roda ou pulavam amarelinha.
Parece que esse tempo se perdeu no tempo ou ocorreu em um mundo paralelo muito ao gosto daqueles que gostam de ficção científica.
Hoje nada disse é possível. Vive-se em um mundo de desconfiança de mêdo, pois aquele que se peoxima pode não ser um parente ou amigo, mas um malfeitor, que por trocados ou coisa que o vale pode tirar sua vida, abreviando uma existência toda cheia de esperança.
Em que mundo vivemos  meu amigo? Será que algum dia retornaremos aos dias de tranquilidade, de esperança ?
Espero que sim, mas se isso não ocorrer quero me mudar para um mundo paralelo, onde sonhar pode ser possível.

Nenhum comentário: